Olá Visitante! Cadastre-se ou faça seu Login
Login com Facebook
ou
Você está em Brusque / SC

Você está aqui: Home / Colunistas / Brusque em Segurança / A IMPORTÂNCIA DA PARTICIPAÇÃO DA COMUNIDADE NOS PROBLEMAS ATUAIS
Atualizado


A IMPORTÂNCIA DA PARTICIPAÇÃO DA COMUNIDADE NOS PROBLEMAS ATUAIS

 


           Há muito tempo participo dos Conselhos Comunitários de Segurança (CONSEG’s) instalados na região, e durante todo esse tempo acompanhei a angústia e decepção dos membros desses conselhos por não haver uma participação efetiva da comunidade nas reuniões mensais, bem como a falta de conhecimento e auxílio aos Conselhos Comunitários. As reuniões dos CONSEG’s na região são sempre frequentadas pelos membros abnegados de sempre, não havendo assim a participação maior da comunidade que é a grande interessada na identificação e na possível resolução dos problemas inerentes ao local.      


            E esse problema não é só inerente aos CONSEG’s, a falta de participação da comunidade atinge todos os setores e organismos que tentam de alguma forma buscar soluções para os problemas oriundos do convívio humano, seja, social ou econômico. Esse fenômeno da não participação popular foi estudado pelo sociólogo francês Émile Durkheim (1858-1917) que alega ser uma “anomia social”, ou seja, há uma apatia, um descaso e conformação com tudo que está aí, o comportamento das pessoas e das normas legais perdem a validade, é, simplificando ainda mais, “lavam as mãos para o problema” já que não os atinge.


         Não tenho dúvidas que temos hoje, em certos casos, uma comunidade conformista e apática na busca de soluções dos problemas inerentes a própria comunidade, talvez por termos historicamente um Estado paternalista que tenta resolver tudo e resolve pouco pela dimensão dos problemas, ou então usamos o “tal jeitinho brasileiro” ou queremos sempre “levar vantagem em tudo” conhecida como a Lei de Gérson para praticar desde pequenos a grandes atos de desrespeito ao próximo, violações de toda a natureza e ao patrimônio público e privado. É muito mais fácil e agradável a comunidade esperar que o governo resolva tudo do que procurar ela mesma as possíveis soluções para os problemas atuais.


         A qualidade de vida, as melhorias na segurança pública e dos problemas sociais passam obrigatoriamente pela participação da comunidade, essa “anomia social” que falamos acima só beneficia o recrudescimento da falta de estrutura social para avançarmos no caminho do desenvolvimento da nossa comunidade e do nosso País.


         Por tudo isso exposto, é fundamental e indispensável à importância de engajar a comunidade nos assuntos a ela pertinentes, mas respeitando as suas peculiaridades sociais locais e individuais. Uma parceria social é construída dentro de valores de respeito e dignidade entre pessoas e a sociedade. Aristóteles, o grande filósofo grego, afirmava em seus discursos que o homem é um político. A cidade é o lugar de sua história. (Camargo, 1998, p.3).


        Procure as lideranças do seu bairro e participe ativamente na sua comunidade. Em nossa cidade temos um Conselho Comunitário (CONSEG Centro) que se reúnem sempre todas as segundas quintas-feiras de cada mês, no Clube Caça e Tiro Araújo Brusque localizado na Rua Hercílio Luz no Centro da cidade, a reunião começa sempre ás 1300H, vamos, participe você também!


 


        Um grande abraço!


 


       Mande seu comentário para 18bcmt@pm.sc.gov.br                  



Fonte: Moacir Gomes Ribeiro

Deixe seu comentário

Você está em Brusque / SC
Portal Brusque
Unidade Brusque, SC


-
© 2008-2017 Copyright Franquia Portal da Cidade ®