Portal da Cidade Brusque

SOLIDARIEDADE

Ação Solidária do Lar Menino Deus arrecada mais de R$ 57 mil

Evento foi realizada no último sábado (31) em formato drive-thru

Postado em 03/08/2021 às 04:47

(Foto: Ideia Comunicação)

A fila de veículos no pátio da Paróquia São Judas Tadeu chamou a atenção de quem passou pelo bairro Águas Claras, em Brusque, na noite de sábado (31). Isso porque foi realizada no local a ‘Ação Solidária’ em prol dos 25 anos de fundação do Lar Menino Deus.

Na oportunidade a comunidade de Brusque e da região pode prestigiar o evento, realizado em formato drive-thru, ou para retirada no balcão, com opções de galeto, cachorro quente e cucas e também da ‘Sacola Solidária’, com itens de bazar.

Com todos os cuidados de prevenção contra a covid-19, o evento foi realizado com sucesso e contou com a arrecadação de R$ 57. 477, 87, valor que a partir de agora será revertido na manutenção do Lar.

Ajuda significativa

Para a diretora da instituição, Helena Dias, o resultado do evento só foi possível de ser alcançado graças à contribuição de muitas pessoas.

“Em tempos de pandemia não é fácil fazermos um evento que alcance um resultado dessa proporção. E estamos muito felizes com esse resultado, com o engajamento de todas as pessoas que colaboraram: patrocinadores, muitas empresas, supermercados, panificadoras, padrinhos e pessoas física. É um valor muito significativo para a instituição, que irá ajudar a manter o Lar de portas abertas e nossos moradores acolhidos”, declara.

Ao todo, foram vendidos: 573 galetos, 418 cucas, 1.437 cachorros-quentes, e 324 sacolas solidárias. A receita bruta do evento totalizou em R$ 65.245,00; tendo como despesas: R$ 7.767,13; e o valor líquido de R$ 57.477, 87.

“Muito obrigada a toda a nossa comunidade, a todos que trabalharam em prol dessa ação e se engajaram, desde o mês de junho. São 25 anos de amor, carinho e inclusão e só temos que agradecer a quem nos ajudou a fazer esse evento de solidariedade e união”, completa Helena.

Presença garantida

O empreendedor e engenheiro civil Allan Sanni foi uma das pessoas que aproveitou a noite de sábado para prestigiar a Ação Solidária do Lar. A empresa, Terra Legal Topografia foi uma das que apoiou o evento, pela primeira vez neste ano. “É um prazer fazer parte dessa ação e contribuir com o serviço desenvolvido pelo Lar. Penso que além do nosso trabalho diário, de exercemos a nossa profissão, colaborar para essa causa é uma forma de agradecermos a Deus por todas as realizações nas nossas vidas e ajudar quem precisa”, comentou.

Da mesma forma, o autônomo Birmair Nascimento da Silva também garantiu a janta de sábado, e o galeto para o domingo, 1º, com as delícias vendidas no evento. E mais: contribuiu para o trabalho do Lar.

“É a primeira vez que prestigiamos e é sempre bom ter ações assim, onde todos podem colaborar. Se todo mundo fizer um pouco, no final o resultado será positivo. Que as pessoas possam ajudar sempre as instituições da nossa cidade, em especial nesta época de pandemia e de frio”, considerou.

Voluntários

Entre as ‘mãos’ que contribuíram para que o evento acontecesse estava a auxiliar de cuidadora Juliana Gomes. Ela que há nove meses trabalha no Lar, pela primeira vez ajudou de forma voluntária o evento da instituição.

“Antes de atuar no Lar Menino Deus eu tinha uma visão totalmente diferente da casa. E quando conheci melhor o que era feito ali, me encantei pelo trabalho que é realizado. Poder auxiliar nesse evento também foi engrandecedor, vimos toda a equipe empenhada fazendo o melhor. E estamos muito felizes com o movimento que tivemos e o resultado alcançado, em vermos a comunidade ajudar”, comentou.

A assistente social Silvia Kuhnen, que há oito anos é voluntária nas ações em prol do Lar, mais uma vez também marcou presença no evento. Moradora de Itapema, desde fevereiro deste ano ela passou também a prestar serviços na instituição, e falou sobre a experiência de contribuir para os moradores da casa.

“Fico muito grata em colaborar e trazer outros voluntários para esse trabalho também. E sabemos a importância desses eventos, já que a entidade é filantrópica. Poder participar dessa ação e ver como a comunidade de Brusque abraça as causas do Lar, só nos enche de gratidão. Toda a forma de ajuda é bem-vinda e sabemos que todos os valores e doações arrecadados aqui serão bem investidos em prol dos seus moradores”, destacou.

História e missão

Fundado em 4 de junho de 1996, o Lar iniciou com uma família de Brusque que decidiu doar a casa, onde hoje fica a sede da instituição, para acolher pessoas com deficiência intelectual. Nos primeiros anos a entidade era mantida pelos próprios fundadores, que acolheram inicialmente 8 moradores.

Desde então o Lar passou por muitas transformações, ampliou seus serviços e atualmente atende 10 pessoas que apresentam deficiência intelectual e múltipla, alguns como patologia base, outros como comorbidades, associadas à esquizofrenia, deficiência auditiva, autismo ou paralisia.

A instituição tem como missão acolher essas pessoas que possuem alto grau de comprometimento e dependência e não possuem retaguarda familiar, visando promover continuamente a qualidade de vida das mesmas.

Além disso, o Lar conta atualmente com 25 colaboradores que diariamente prestam seus serviços para melhor acolher e atender os moradores da instituição. A entidade se mantém com doações, convênios, eventos beneficentes, bem como com sua campanha de telemarketing, contando sempre com a contribuição da comunidade de Brusque e região.

Interessados em contribuir com o Lar podem entrar em contato com a instituição através dos telefones: (47) 9 8466-0593 ou no (47) 3355-0727.


Fonte:

Receba as notícias de Brusque no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Outras notícias