Portal da Cidade Brusque

Bons Exemplos

Irmãos brusquenses aderem a campanha contra pegadinha da internet

Matheus, Lucas e Luíza participaram da campanha 'isso não se brinca'

Postado em 21/02/2020 às 10:41 |

(Foto: Reprodução)

Recentemente uma brincadeira de mau gosto entre os jovens tomou conta das redes sociais. A “trollada” consiste em três pessoas que ficam perfiladas uma ao lado da outra. As duas da ponta pulam e posteriormente a do meio faz o mesmo.

Sem saber que trata-se de uma “pegadinha”, o indivíduo acaba sendo derrubado com uma rasteira, ato este que, dependendo da queda, pode machucar gravemente a pessoa.

Em meio a essas atitudes de mau gosto, nós podemos observar bons exemplos. Surgiu uma campanha mundial contra essa brincadeira, onde as crianças e jovens conscientizam as pessoas, mostrando que este ato pode causar sérios problemas.

Em Brusque, três jovens aderiram a esta campanha de conscientização. Os irmãos Matheus, Lucas e Luíza Bittelbrunn, de 13, 12 e 4 anos, ajudaram a divulgar e mostrar para as pessoas que realizar essa brincadeira é de muito mau gosto e errado.

As imagens e o vídeo que os irmãos brusquenses fizeram, pararam nas redes sociais e rodaram pelo WhatsApp nos últimos dias, no qual vem junto com uma mensagem de alerta para os pais.

O pai dos jovens, Cleiton Bittelbrunn, vereador da cidade de Brusque, comentou sobre a repercussão. “Eu aceitei o desafio de fazer esta campanha junto com meus filhos e deu uma repercussão bem legal”, finaliza.

Morte registrada

Uma garota de 16 anos faleceu em novembro por conta dessa pegadinha. Emanuela Medeiros sofreu traumatismo craniano após bater com a cabeça no chão na escola onde estudava. O caso aconteceu na cidade de Mossoró (RN). A garota chegou a ser socorrida pela direção da escola, porém, não resistiu.

Além da morte, vários vídeos onde pessoas desmaiam por conta da queda também foram divulgados e viralizaram. 


Fonte:

Deixe seu comentário