Portal da Cidade Brusque

Região

Luciano Szafir visita Centro Administrativo da Havan

Ele está na região desde quarta-feira e participa da peça "Paixão e Morte de Um Homem Livre", em Guabiruba, hoje e amanhã

Postado em 19/04/2019 às 10:15 |

(Foto: Marcelo Gouvêa / Portal da Cidade Brusque)

O ator Luciano Szafir, que está fazendo o papel de Pôncio Pilatos na peça teatral “Paixão e Morte de Um Homem Livre”, em Guabiruba, visita na tarde desta quinta-feira, o Centro Administrativo da Havan, patrocinadora master da apresentação. O espetáculo, que ocorre a cada dois anos, é realizado com recursos da Lei Rouanet. Além da Havan, participam como patrocinadores também Guabifios, ZM e Supermercados Archer, além da Prefeitura de Guabiruba.

Esta é a primeira vez que a Havan patrocina o evento e reconhece o impacto cultural da peça. “A empresa recepciona mais de três mil pedidos por ano para projetos por Lei de Incentivo. E como o teatro é realizado na região próxima da Havan, é uma estratégia de marketing e de posicionamento social apoiar o projeto, pelas características relevantes de incentivo ao consumidor/cliente de desenvolver cada vez mais a cultura local”, detalha a responsável pelo marketing em mídias sociais da Havan, Agda Caroline Da Silva.

Na manhã desta quinta-feira, Luciano Szafir concedeu uma entrevista e disse que toda vez que faz o papel de Pôncio Pilates é uma experiência nova. “É sempre diferente. Estou muito feliz em estar aqui na região. Guabiruba está de parabéns e os organizadores do espetáculo também. Vejo todo mundo muito envolvido, independente do papel que está fazendo”, declarou. O ator disse que tudo que envolve a história de Jesus é muito rico e emocionante, independente da religião que cada um segue, por isso se considera um afortunado em estar participando da peça.

A 22ª edição do espetáculo “Paixão e Morte de um Homem Livre”, organizada pela Associação Artística Cultural São Pedro (AACSP), contou com a assessoria da Prisma Cultural na captação de recursos através da Lei Rouanet. Uma das novidades possíveis em virtude dos recursos oriundos da lei cultural foi à contratação de um artista conhecido. Pela terceira vez o espetáculo conta com um ator convidado para compor o elenco. Na última apresentação, em 2017, o ator convidado foi Julio Rocha e, em 2015, foi Francisco Cuoco.

Outra mudança também foi à ampliação das apresentações, de um para dois dias, potencializando os recursos e permitindo um número maior de expectadores. Na última edição, por exemplo, atingiu a lotação máxima, com oito mil pessoas.

A peça é considerada uma das maiores e mais belas apresentações teatrais do gênero no Sul do País, que narra momentos especiais da vida de Jesus Cristo e seus últimos momentos na terra através de sua vida, paixão, morte e ressurreição.

Realizada desde 1981, em Guabiruba, a peça é apresentada sempre na Semana Santa. Desde 1997 acontece no pátio da Capela São Cristovão, no Bairro Aymoré, e conta com a participação de cerca de 400 colaboradores, entre atores e equipe técnica.

Fonte:

Deixe seu comentário