Portal da Cidade Brusque

flagra

Tinturaria explica excessiva liberação de fumaça na tarde desta sexta-feira (26)

Rara ocorrência se deu por uma parada brusca na produção, que demorou três minutos para ser corrigida

Postado em 26/06/2020 às 15:52 |

(Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

No início da tarde desta sexta-feira (26), por volta das 12h, moradores do São Pedro registraram uma liberação intensa de fumaça das chaminés existentes na tinturaria Florisa.

As imagens assustadoras mostram o acúmulo dos gases tomando o céu de toda a região. Conforme informou um cidadão que transitava pela região, no breve momento do ocorrido, a fumaça preta tomou conta da via. “Não deu para ver nada na rua”, conta.

Buscamos a versão da tinturaria Florisa, que explicou que a emissão de fumaça se deu por conta de uma parada brusca na produção, que resultou na liberação excessiva dos gases. Porém, isso raramente acontece e é algo pontual e rápida, com risco zero, afirmou a companhia.

A tinturaria lembra ainda que a caldeira da Florisa é uma das melhores do país e praticamente se regula sozinha, diferente de diversas outras que necessitam de controle manual para operação.

Hoje, também, a empresa possui um nível de poluição que está muito abaixo dos padrões exigidos, ou seja, é exemplo quando se trata de cuidados ao meio ambiente. Vale lembrar que a emissão intensa de fumaça durou cerca de três minutos e foi corrigida de imediato.

A liberação de fumaça pela chaminé da Florisa ocorre todos os dias e é difícil de ser notada a olho nu, por serem partículas quase invisíveis. Apesar das imagens assustadoras, a tinturaria reforça que o risco é nulo e que prezam muito pela qualidade de vida da vizinhança.

Fonte:

Receba as notícias de Brusque no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário