Portal da Cidade Brusque

Arena Havan

Brusque aguarda sinal de Luciano Hang; Time pode ficar sem estádio na série C

Para disputa da Copa, já há um acordo para que o clube continue no Augusto Bauer. O estádio de São João Batista é cotado para receber os jogos do estadual

Postado em 28/08/2019 às 18:13 |

(Foto: Ilustração )

Passada a euforia da conquista da Série D do Campeonato Brasileiro a diretoria do Brusque começa a trabalhar para o que o presidente Danilo Rezini chamou de um “Novo Ciclo”. Antes da disputa da Copa Santa Catarina no mês que vem, do Catarinense e da Série C, em 2020, o clube busca alternativas de estádio para mandar seus jogos. 

Para a disputa da Copa já há um acordo para que o clube continue no Augusto Bauer. Devido à limitação, o estádio de São João Batista é cotado para receber os jogos do campeonato estadual.

O estádio de São João Batista passou por uma avaliação por membros da direção do Brusque e da Federação Catarinense de Futebol nesta terça-feira (27) para verificar se ele está apto a receber as partidas.

Da visita, uma lista com as demandas de arquibancada, iluminação, vestiários e de qualidade de gramado será desenvolvida. Com o documento Rezini afirma que o clube inicia tratativas com o município vizinho e empresários para viabilizar as melhorias.

Se por um lado as soluções para as disputas estaduais já estão encaminhadas, o panorama é outro para a nacional com os jogos da série C. A esperança do clube é que o projeto de construção da Arena Havan seja iniciado para que o estádio fique pronto em cerca de um ano. “Não temos ainda nada definido. Temos um para a copa e possivelmente para o estadual”.

O projeto da Arena Havan é previsto para o Complexo Esportivo “Chico Wehmuth”. Conforme anunciado em maio ela terá capacidade de receber até 15 mil pessoas. Á época o projeto gerou polêmica e críticas nas redes sociais devido às características que lembram a marca Havan.

O início da construção do estádio estava previsto para agosto de 2019. No entanto, até o momento a obra ainda não teve início.

Procurada pela reportagem do Portal da Cidade Brusque, e questionada sobre o início da obra, a assessoria de imprensa da Havan informou que “conforme retorno do engenheiro, não vamos falar a respeito”.

Após conquistar o título da série D e garantir o acesso nas disputas da série C, o futuro do Brusque é incerto. Danilo Rezini comentou que aguarda um sinal verde da Havan para as obras da Arena. “Para a série C esperamos que, possivelmente, o Luciano dê um sinal para Arena para que possamos jogar neste espaço dentro de um ano”, finalizou.


Fonte:

Deixe seu comentário