Portal da Cidade Brusque

Carreira

Coronel Moacir Gomes Ribeiro entrará para a reserva da PM em 20 de março

Ida para a reserva remunerada da Polícia Militar de Santa Catarina não significa uma aposentadoria, de fato, para o coronel

Postado em 17/02/2020 às 14:55 |

(Foto: reprodução/Facebook)

No próximo dia 20 de março, o coronel PM Moacir Gomes Ribeiro, ex-comandante do 18º Batalhão de Polícia Militar (18º BPM) de Brusque e atual comandante da 7ª Região de Polícia Militar (7ª RPM), encerra a sua trajetória na ativa da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC).

A ida para a reserva remunerada da corporação acontecerá em um ato solene na sede da 7ª RPM, em Blumenau. 

A decisão, tomada pelo próprio oficial, se dá após 32 anos de serviço ativo na PMSC, além de mais um ano no Exército Brasileiro.

Vários destes anos, inclusive, cumpridos em Brusque, onde teve grande destaque e reconhecimento pela gestão do 18º Batalhão e pela participação ativa na sociedade.

“Decidi parar porque acredito que minha história já foi escrita, já foi feita”, comentou Gomes, em entrevista a Portal da Cidade Brusque. “Eu sinto alegria por ter cumprido um ciclo, onde desempenhei o meu melhor, cheguei onde todo militar sonha chegar. O lado triste é quebrar a rotina e o ciclo de companheirismo”.

Ainda segundo o comandante, para ser um policial militar é preciso ter vocação e coragem de enfrentar tudo e todos. “As leis que são frágeis, a sociedade que não reconhece seu trabalho, a periculosidade do dia a dia, a falta de estrutura, enfim (...) acredito que a gente tem um momento de sair. É preciso renovação. Os mais novos estão chegando e querem construir sua história”.

A ida para a reserva remunerada da Polícia Militar de Santa Catarina não significa uma aposentadoria, de fato, para o coronel. “Vou buscar outros caminhos, em outras áreas, outras oportunidades, buscando auxiliar a sociedade como um todo nesta luta diária pelo bem comum”.


Fonte:

Deixe seu comentário