Portal da Cidade Brusque

iniciativa

IFC Brusque recebe impressoras 3D para auxiliar no combate ao coronavírus

Protetores faciais serão disponibilizados aos profissionais da saúde. As instituições públicas interessadas devem enviar ofício solicitando a proteção

Publicado em 29/04/2020 às 04:27
Atualizado em

(Foto: Cecom IFC Brusque)

(Foto: Cecom IFC Brusque)

(Foto: Cecom IFC Brusque)

O Instituto Federal Catarinense (IFC) Brusque, foi contemplado, nesta semana, com duas impressoras 3D. As mesmas são provenientes de recursos da Reitoria e do Ministério da Educação (MEC).

O IFC Brusque passa a contar agora com três impressoras que passarão a trabalhar por volta de 18 horas diárias.

Inicialmente, o objetivo da Instituição era produzir 500 protetores faciais, mas, após uma reavaliação, a meta passou para 1000 protetores faciais para auxiliar a equipe médica no combate a covid-19. Estes serão doados aos hospitais de Brusque e região. O único requisito é a instituição disponibilizar atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Também estarão disponíveis às secretarias de saúde da região e, consequentemente, de Brusque.

Esta é uma das formas que o IFC encontrou para colaborar com profissionais da saúde. A orientação, segundo a chefia de Gabinete, Daniela Koster, “é que as instituições públicas interessadas enviem ofício solicitando os protetores”. No ofício deve constar a quantidade de protetores faciais necessária e uma justificativa.

Os documentos devem ser enviados por email, haja vista que trabalhos administrativos estão sendo executados em sistema home office. O endereço eletrônico para envio dos ofícios é: gabinete.brusque@ifc.edu.br.

O IFC também vai assumir uma segunda frente: produção de álcool gel. Mas, por conta da falta de insumos que devem chegar em breve, o início dos trabalhos deve demorar um pouco mais.

Para produção dos protetores faciais foi montado a Comissão de Combate a Covid-19, que conta com dez servidores que se organizaram por meio de revezamento a fim de evitar aglomerações. A entrega dos protetores faciais deve ser iniciada na semana que vem e vai respeitar a ordem de chegada dos ofícios dos interessados. 

Um dos servidores do IFC, Fagner Luiz do Canto Antonio, que faz parte da Comissão de Combate a Covid-19, elogiou a iniciativa. “Ações como essa são bastante válidas, uma vez que mostram, na prática, que todo o investimento que fazemos em tecnologias de ponta se reverte em benefícios para a população”, elogia.

Por sua vez, o professor Walmir Ruis Salinas Junior, que também está colaborando na produção dos protetores faciais, se mostrou confiante e contente com o trabalho que vem sendo realizado. “Sempre tomando os cuidados necessários, o IFC Brusque, fazendo uso de tecnologias inovadoras, pode ajudar no combate a covid-19. Somado ao esforço de todos os membros da comunidade, passaremos por esse tempo de pandemia com menor dificuldade”, ressalta.

Fonte:

Receba as notícias de Brusque no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário