Portal da Cidade Brusque

Brusque

Parque Zoobotânico terá monumento em homenagem ao padre Raulino Reitz

Escultura em tamanho real será inaugurada na sexta-feira (6), às 15h. Evento é aberto ao público

Postado em 02/12/2019 às 15:12 |

(Foto: Divulgação/Reprodução)

Como parte das comemorações do Centenário do padre Raulino Reitz, no município, será realizado na sexta-feira (6), às 15h, no Parque Zoobotânico de Brusque, a inauguração do Monumento “Padre dos Gravatás”, do escultor Karl Teichmann. 

Padre Raulino foi um botânico visionário do século XX e com seu trabalho revolucionou as questões ambientais em Santa Catarina. Liderou a criação da Fatma e fundou o Museu Arquidiocesano de Artes Sacras, no bairro Azambuja, em Brusque, entre outros inúmeros feitos. O sacerdote também realizou importantes estudos sobre a Malária, sendo mundialmente reconhecido.  

Parte da biografia do padre é relatada no livro “Flagelo da Malária em Brusque”, escrito por Aloisius Carlos Lauth - organizador dos festejos do centenário. 

“A escultura que vamos inaugurar é em tamanho real: tem um metro e oitenta e cinco. Ela foi confeccionada como obra de arte pelo artista Karl Teichmann, aqui da região. Toda a população é convidada para o evento”, destaca Lauth. 

De acordo com o diretor do Zoobotânico, Eduardo Serpa, a ideia do monumento surgiu em uma conversa entre o escritor e o prefeito Jonas Paegle. “O parque foi escolhido como área de exposição da escultura, por ser o principal ponto turístico ambiental da cidade. Inclusive, poucas pessoas sabem, mas o parque tem o nome do padre. Quando inaugurado em 1992, dois anos após a sua morte, o local recebeu o nome de Parque Ecológico Zoobotânico Padre Raulino Reitz”, explica.

Para o prefeito, é muito importante relembrar a história do padre Raulino e o monumento contribuirá para que as futuras gerações mantenham vivo o seu legado. “Padre Raulino foi um estudioso e contribuiu muito para a história de Brusque. Por isso, nada mais justo do que homenageá-lo. De modo que ficamos muito felizes de entregar esse monumento à comunidade em um local tão importante para o município, como é o Zoobotânico”, ressalta Paegle.


Fonte:

Deixe seu comentário