Portal da Cidade Brusque

Tecnologia

Pesquisa aponta alta procura por profissionais para atuar na área de Tecnologia

A Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação Brasscom estima que até 2024, o mercado necessite 70 mil profissionais

Postado em 16/01/2020 às 14:10 |

A crescente demanda por profissionais de tecnologia está gerando um desafio para as empresas. Enquanto sobram vagas no mercado de trabalho, faltam pessoas qualificadas para atuar na área.

Jhonata Lamim é sócio proprietário da Exímio Soluções em TI. Ele e mais três colegas, todos egressos do curso de Sistemas de Informação do Centro Universitário de Brusque (Unifebe) criaram a empresa brusquense especializada em entregar projetos de TI, sustentação de ambientes de Banco de Dados e Middleware.

Lamim é um dos empresários que já sente as mudanças no mercado. “A escassez de profissionais especializados dificulta a contratação, qualificação e a retenção de talentos”. A alta procura por pessoal capacitado foi apresentada pela Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom).

De acordo com o relatório da Brasscom, em 2018 o setor abriu 43 mil novas vagas no Brasil. Também segundo o órgão, para atingir a meta de dobrar o setor de software e serviços, 70 mil profissionais por ano serão necessários até 2024.

O número de empresas na área de tecnologia também cresceu. A Associação Catarinense de Tecnologia (Acate) registrou em seu banco de dados mais de 12 mil empresas, sendo que cerca de 4 mil foram criadas nos últimos 4 anos, mostrando que o ambiente está cada vez mais favorável para o empreendedorismo.

Apesar de os números mostrarem a alta procura pelos profissionais, faltam desenvolvedores e programadores, por exemplo. O vice-reitor da UNIFEBE, professor Sergio Rubens Fantini, frisa a importância de o estudante analisar as perspectivas de atuação no mercado de trabalho antes de escolher a profissão.

“A tecnologia é o futuro, e os dados só reafirmam o crescimento da área para os próximos anos. Os números apontam para mais vagas, salários melhores e mais chances de crescimento para quem busca se profissionalizar. Esses são indicadores muito importantes para quem ainda está em dúvida na escolha da profissão e do curso superior”, salienta.

 

Sistemas de Informação 

Fantini, que atuou até 2019 como coordenador do curso de Sistemas de Informação na UNIFEBE, destaca que muitas empresas de Brusque e região entram em contato com a instituição para divulgação de vagas e indicação de profissionais. “A procura sempre foi grande e com isso, logo nos primeiros semestres nossos acadêmicos já estão se inserindo na área de TI”, frisa Fantini.

Um dos destaques da formação é a ênfase para o empreendedorismo. “Por meio do curso pude desenvolver além das habilidades técnicas, outras habilidades que me permitiram empreender e gerir meu próprio negócio”, enfatiza Lamim. O curso criado em 2001, forma em média 15 profissionais por ano.

 

Vagas abertas

A UNIFEBE está com vagas abertas para o curso de Sistemas de Informação, com seleção de alunos pelo Histórico Escolar. Os interessados podem fazer a inscrição até dia 21 de janeiro pelo site da instituição.


Fonte:

Deixe seu comentário